fbpx

Doenças renais: conheça 5 dicas para ajudar seus clientes a evitá-las!

Doenças renais são normalmente caracterizadas como silenciosas. Contudo, há certos sinais que indicam algum problema, como urina espumosa ou com sangue, inchaços no corpo, anemia, perda de apetite e cansaço descomunal. 

Além do mais, é importante ficar atento em relação às causas das doenças renais crônicas (DRC), como hipertensão, diabetes dos tipos 1 e 2, infecção renal constante, refluxo vesicoureteral e doenças autoimunes. 

Quer saber mais sobre o assunto e aprender algumas dicas para ajudar seus clientes a evitar transtornos em sua saúde renal? Basta continuar a leitura!

1. Adotar uma alimentação balanceada

O primeiro passo para evitar doenças renais é ter uma dieta equilibrada. Alimentos ricos em vitaminas e fibras são recomendados, uma vez que ajudam a manter as funções dos rins. Em contrapartida, as proteínas devem ser ingeridas em menor quantidade, pois elas podem gerar uma sobrecarga renal. 

2. Moderar o uso do sal

O sal dá um saborzinho especial a comida, né? Disso todo mundo sabe. Contudo, seu cliente deve ter bastante cuidado com ele, pois pode ser um verdadeiro vilão quando usado em excesso. O motivo? Ele pode causar sérios problemas no organismo, sendo fonte de doenças renais. 

É claro que seu cliente não quer comer refeições sem graça, mas isso não significa que é preciso colocar uma quantidade exagerada de sal. Ensine-o a ir reduzindo gradualmente a quantidade deste tempero nos alimentos que prepara. Lembre-se de que a ação é em prol de um objetivo maior: manter os rins funcionando perfeitamente. 

3. Realizar atividade físicas

O sedentarismo é, possivelmente, um dos piores inimigos não só para e mente, mas também para o corpo. Ficar muito tempo parado e sentado, por exemplo, torna os rins preguiçosos, dificultando o seu funcionamento. Esse é apenas um dos exemplos de como uma vida sem exercícios pode ser prejudicial para o organismo. 

Por isso, oriente seu cliente a acrescentar atividades físicas na rotina. Vale desde esportes individuais até coletivos. O importante aqui é movimentar-se, tornando o dia a dia mais saudável. Para não ter erro, oriente-o para realizar ao menos 30 minutos de exercícios três vezes por semana. 

4. Não exagerar nas bebidas alcoólicas

Existem estudos que apontam que pequenas doses de álcool podem proteger o cérebro e até mesmo reduzir o risco de câncer renal. Aqui, no entanto, fica a ênfase na expressão “pequenas doses”.

Em outras palavras, diga para seu cliente que não é para se embebedar como se não houvesse amanhã, pois além da ressaca, esse hábito pode ser o pontapé inicial para o surgimento de doenças — como a hipertensão, que, às vezes, evolui até gerar problemas nos rins.  Isso sem falar que a bebida alcoólica em excesso também causa prejuízos imensuráveis para o fígado.

Deixe esse aviso ao seu cliente: seja consciente e beba com moderação. O seu organismo agradece. 

5. Eliminar os cigarros

Nem é necessário falar o mal que o cigarro faz para a saúde, não é mesmo? Inclusive, ele é um dos piores venenos para a função renal, já que o fumo gera pequenos bloqueios, diminuindo o calibre dos vasos sanguíneos por onde circula o sangue. Esse cenário contribui para o surgimento de problemas de pressão que são a porta de entrada para uma doença renal crônica. 

O fato é que uma vida equilibrada, sem excessos, é o caminho certo para evitar doenças renais. Além do mais, cuidar da pressão arterial e glicemia é essencial para o bom funcionamento dos rins. Contudo, caso você esteja suspeitando que seu cliente apresenta mal funcionamento do órgão, o mais indicado é orientá-lo a consultar um nefrologista. 

Gostou do conteúdo e acha que ele será útil para seus colegas e amigos? Então compartilhe o post nas redes sociais!

Comentar